21 de fevereiro de 2024

Portal Nossa Região

Notícias da Região

Barra do Piraí avança nas discussões para implementar o Conselho Municipal Antidrogas

A cidade de Barra do Piraí, em um esforço conjunto da Secretaria Municipal de Assistência Social, Secretaria de Saúde e Prefeitura, em colaboração com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos através da Subsecretaria de Prevenção à Dependência Química, está intensificando seus esforços na implementação do Conselho Municipal Antidrogas. Na última quinta-feira, dia 31 de agosto, ocorreu a quinta reunião destinada a debater a criação deste órgão vital.

Durante a reunião, a representante da Subsecretaria de prevenção à dependência química fez uma explanação sobre o papel da sociedade no combate às drogas, enfatizando a importância do apoio tanto das entidades públicas quanto da sociedade civil organizada. Depoimentos foram compartilhados, destacando os inúmeros benefícios que o Conselho Antidrogas pode trazer para a comunidade. Marileia de Paula, subsecretária Estadual de Prevenção à Dependência Química, declarou: “O Estado está empreendendo todos os esforços em função de estimular os municípios a implementar a Política sobre Drogas, através da ativação de Conselhos Municipais atuantes, estabelecimentos de fluxo de atendimento, atividades de prevenção principalmente direcionadas para os adolescentes e o fortalecimento das Instituições do terceiro setor que trabalham na pauta. ”

A iniciativa recebeu um sólido respaldo da Secretaria Municipal de Assistência Social. A secretária Paloma Blunk dos Reis Esteves enfatizou: “Não podemos fechar os olhos para esta epidemia que está devastando inúmeras famílias. Conhecemos o impacto negativo que as drogas podem ter na sociedade e no desenvolvimento da cidade. Estamos dispostos a unir forças e ajudar esses jovens.”

A reunião contou com a presença de cinco profissionais da Subsecretaria de prevenção à dependência química, representados pela subsecretária Marileia de Paula, três profissionais das Secretarias de Assistência Social, representados pela secretária Paloma Blunk, e da Secretaria de Saúde, representada pelo subsecretário Renato, além da participação do Portal Nossa Região.

No evento, também se destacou a necessidade de explorar possibilidades para a construção de uma política municipal sobre drogas, apresentando caminhos viáveis para fortalecer as políticas públicas e a participação social. Pontos cruciais incluem a integração de diferentes setores e a consideração das interseccionalidades, princípios essenciais na formulação de uma política sobre drogas. Isso se torna ainda mais imprescindível quando se trata da redução das desigualdades sociorraciais e da garantia dos direitos básicos, bem como do acesso ampliado à saúde, assistência social, educação, cultura, trabalho, direito à vida, à liberdade e à justiça social.

Portanto, a busca por uma política sobre drogas capaz de reverter o atual cenário de violência, negligência, falta de apoio e retrocessos, que afeta especialmente as juventudes, as comunidades negras e as áreas periféricas do país, permanece como um objetivo de destaque.

About The Author

Verified by MonsterInsights